O Conselho Fiscal é constituído de 3 (três) membros titulares e seus respectivos suplentes. As reuniões ocorrem ordinariamente a cada três meses e extraordinariamente quando necessário. Assiste a todos os membros do Conselho Fiscal, individualmente, o direito de exercer fiscalização dos serviços do IPREM-POSSE.

Cabe ao Conselho Fiscal:

– Acompanhar a organização dos serviços técnicos e admissão de pessoal; acompanhar a execução orçamentária do IPREM-POSSE, conferindo a classificação dos fatos e examinando sua procedência e exatidão; examinar as prestações efetivadas pelo Instituto aos servidores e dependentes e a respectiva tomada de contas dos responsáveis; proceder em face dos documentos de receita e despesa a verificação de balancetes mensais, os quais deverão estar instruídos com os devidos esclarecimentos; indicar para contratação, através de procedimento licitatório, perito de sua escolha para exame de livros e documentos; encaminhar ao Prefeito Municipal, anualmente, até o mês de março, com seu parecer técnico, o relatório do exercício anterior da Diretoria Executiva, o processo de tomada de contas, o balanço anual e o inventário a ele referente, assim como o relatório estatístico dos benefícios prestados; requisitar à Diretoria Executiva e ao Presidente do Conselho de Administração as informações que julgar convenientes e necessárias ao desempenho de suas atribuições e notificá-los para a correção de irregularidades verificadas, exigindo as providências para regularização; acompanhar o recolhimento mensal das contribuições, para serem executadas no prazo legal e fazer o acompanhamento das aplicações de reservas, fundos e provisões.

NOME CARGO LOCAL
PAULO CESAR MADI MÉDICO – EFETIVO SMS – PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTONIO DE POSSE
PAULO FERNANDES POLICARPO MOTORISTA DE AMBULÂNCIA – EFETIVO SMS – PREFEITURA MUNICIPAL DE SANTO ANTONIO DE POSSE
BRUNO HENRIQUE FELISBINO ASSESSOR DE IMPRENSA – EFETIVO CAMARA MUNICIPAL

Acessibilidade

Novo modelo de identidade digital padrão do site ipremposse.sp.gov.br atende às principais recomendações de acessibilidade indicadas para web.

Garantir a acessibilidade na Web é permitir que qualquer indivíduo, utilizando qualquer tecnologia de navegação, visite qualquer ambiente web e obtenha completo entendimento das informações contidas nele, além de ter total habilidade de interação.

Nesse ambiente, buscou-se contemplar as recomendações do WCAG (World Content Accessibility Guide) do W3C e no caso do Governo Brasileiro ao e-MAG (Modelo de Acessibilidade em Governo Eletrônico). O e-MAG está alinhado as recomendações internacionais, mas estabelece padrões de comportamento acessível para sites governamentais.

Na parte superior do site existe uma barra de menus onde se encontra atalhos de navegação padronizados, nos subitens de Acessibilidade há opções para alterar o contraste das cores e o tamanho dos objetos, essas ferramentas estão disponíveis em todas as páginas do site.